Gabriel Medina passa pela terceira fase do Fiji Pro em Cloudbreak

Gabriel Medina
Gabriel Medina passa com tranquilidade pela terceira fase do Fiji Pro em Cloudbreak

Depois de uma longa espera pelas ondas, com seis dias consecutivos de adiamento, o Fiji Pro voltou com tudo em Cloudbreak.

Muito à vontade no pico, onde já disputou duas finais e foi campeão em 2014, o brasileiro imprimiu um forte ritmo desde o início da bateria e foi ampliando cada vez mais o placar.

Depois de somar 6.50 e 5.00, Medina trocou sua segunda melhor nota por 7.33 e disparou de vez na liderança com 7.17, deixando o australiano Matt Banting perdido no outside.

Com muita dificuldade para entubar de backside, Banting não conseguiu somar mais do que 1.73 e 2.60 nas duas melhores ondas, dando adeus ao evento.